10 Coisas para ver em Dublin

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Se você está planejando uma visita em Dublin na Irlanda você precisa ler esse texto com as 10 coisas que você precisa ver na cidade ou ao redor!

Dublin tem muitos Pubs e isso todo mundo sabe.  Porém, Dublin é também uma cidade muito cultural, com vários parques, jardins, museus e atrativos naturais em volta da cidade.

É possível sim ver basante coisa em poucos dias de estadia, pois Dublin não é muito grande e se você vier no inverno pesado é possível que seja muito frio pra sair desbravando a cidade. Mas se você vir no verão com certeza as opções de entretenimento serão muito maior, sem contar que você também pode ir para as praias da região. As praias não são tão belas como as brasileiras mas são sim um entretenimento pra todos que vivem aqui.

Mas se sua vinda é curta, não fiquei triste. Enumerei 10 coisas gratuitas que você pode ver em curto espaço de tempo e aproveitar todas as categorias de atrativo que Dublin tem a oferecer.

1.Ver os veadinhos do Phoenix Park

Ir ao Phoenix Park e tirar as fotos com os veadinhos já está na lista de muitos turistas que vão pra Dublin. Mas não é tão fácil encontra-los por lá, pois o parque é gigantesco (apenas o maior parques Público da Europa). Sugiro se você quer ver os animais alugar uma Bike e ir pedalando até encontra-los.

Alugar uma bike no parque é 10 euros 3 horas. O lugar de alugar bicicletas fica na entrada principal do parque.

Endereço: Conygham Rd com Chesterfield Av. (avenida principal dentro do parque)

veadinho-phoenix-park
Phoenix Park

2. As vitrines da Grafton Street

Uma das mais famosas ruas de compras em Dublin. Lá você vai encontrar aquelas lojas chiques com vitrines super decoradas.

A Rua é fechada, então você pode caminhar tranquilamente. Lá você vair ver vários artistas de rua vendendo sua arte (haha). Quero dizer, você vai ver aqueles cantores super talentosos cantando na rua.

grafton-street
Grafton Street decorada no Natal

3.Os vitrais Stephen’s Green Shopping centre.

O shopping seria só mais um shopping se não tivesse esse teto de vidro e esse relógio de vidro no centros dos arcos de aço que formam seu teto. É um cenário muito atraente para fotos, mas o shopping mesmo é bem simples.

O Shopping fica localizado no topo da Grafton Street, ao lado do Parque Stephen’s Green. Obviamente essa é a razão do seu nome.

stephen-green-shopping
Use sua criatividade e esse cenário perfeito para fotos

4. O Farol de Howth

Howth é uma vila no subúrbio de Dublin a 16 km do região central da cidade. Lá, além de trilhas, você vai encontrar praias e esse farol. É  um cantinho bem especial da cidade. No verão da para aproveitar bastante a região, as praias, trilhas ou sentar em algum restaurante a beira da costa.

 

farol-howth
Farol de Howth

5. O verdadeiro Temple Bar

Temple Bar é uma região de Dublin, em Dublin 2, e muitos lugares, comércios, restaurantes, hotéis e pubs chamam “alguma coisa” Temple Bar. 

Conheça mais sobre as regiões de Dublin clicando aqui.

Porém existe um famoso da parede vermelha que é o verdadeiro cartão postal de Dublin, O Temple Bar

É um Pub divertido, tem musicas irishs e parece ser bem tradicional. Mas é, na verdade, bem turístico e cheio, a Pint lá custa em torno de 7 euros.

Segundo Irishs, outro pub na região que é mais tradicional, que também tem apresentação de tradicionais bandas irishs e tem preços mais em conta é o The Palace Bar. Vale a pena ir tirar a famosa foto no verdadeiro temple bar e depois ir no The Palace Bar ter uma experiência mais autentica.

O The Palece Bar também fica na região do Temple Bar na Fleet St, bem próximo ao verdadeiro Temple Bar.

IMG_20180912_005931_772
O famoso Temple Bar

6. As paisagens da trilha de Greystones a Bray

Quem gosta de natureza, trilha e quer dar um time de cidade grande (não que Dublin seja muito grande), uma boa opção é pegar o Dart (Trem) e sair dos limites da cidade e ir até Greystones.

Greystones é uma pequena cidade próximo a Dublin, a 45 minutos de trem.  É só pegar o trem pra Greystones na Connolly Station e parar naultima estação.

Lá você pode conhecer a cidade e começar a trilha até Bray. A trilha é curta e você pode escolher o caminho fácil, na costa do mar, ou outro caminho mais difícil no topo das montanhas. São cerca de 6 quilômetros e 1 horas e meia de caminhada. Ao final você pode aproveitar a vista Bray ou mesmo aproveitar a cidade.

trilha-bray
Mirante durante a trilha, vista para Bray.

7. O Labirinto do Iveagh Gardens

Um lugarzinho escondido mas ótimo para tirar fotos e também para relaxar nas longas tardes de verão é o Jardim Iveagh.

Localizado entre a Clonmel Street e Upper Hatch Street, perto do Nacional Concert Hall.

labirindo-jardim
Jardim Iveagh

8. A ponte Ha’Penny que atravessa o Rio Liffey

A ponte Ha’Peneny além de super fofa é bem importante na história de Dublin. Ela foi a primeira ponde de pedestre que atravessava o Rio Liffey a cerca de 200 anos atras. A ponte está entre a região Dublin 1 e Dublin 2, na região do Temple Bar.

Antes da construção da ponte só era possível atravessar o rio por ferry. Depois da construção era cobrado half (meio)Penny para atravessa-la. Penny era a moeda da época, o Irish Pound. Dai o nome da ponte. Depois de saber isso será muito mais interessante atravessar a ponte.

ponde-hapenne-1
Ponte Ha’Penny

9. A Ponte Samuel Beckett

A ponte Samuel Beckett também atravessa o rio Liffey e une a quadra Sir John Rogerson’s e a Rua Guild na região das docas de Dublin.  A ponte é super atraente pra olhares fotográficos.

A ponte foi projetada pelo arquiteto Santiago Calatrava e tem o formato de uma harpa, símbolo irlandês. A harpa significa a imortalidade da alma e também um dos mais populares instrumentos da música celta, por isso é um dos símbolos da Irlanda.

Ponte-moderna
Ponte Samuel Beckett

10. O Museu de História Natural da Irlanda

O Museu de História Natural da Irlanda é mais uma das opções de museus gratuitos do país. É mais um exemplo pra quem gosta de explorar museus gratuitamente. Além disso o museu é bem peculiar por ter em acervo diversos animais de várias gerações empalhados.

O museu fica na Merrion Street Upper, Dublin 2 e funciona de Terça-feira as Sábados de 10:00h as 17:00h e Domingo e Segunda-feira de 13:00h as 17:00h.

museu-nacional
Museu de historia natural

 

Não deixe de ler também nossos artigos sobre Dublin:

10 Motivos para fazer intercambio na Irlanda

Como encontrar acomodação em Dublin

O que você precisa saber sobre o visto de estudante da Irlanda

Autora

g0944098-300x225

“Luiza Cavalcanti é turismóloga  por formação, mas apaixonada por viagens mesmo antes de pensar em estudar turismo.  Já participou de intercâmbio de trabalho nos EUA e viajou sozinha pela Europa, Marrocos e América do Sul. Obstinada em realizar o sonho de se tornar viajante largou o trabalho para viajar de carona entre Argentina, Chile e o Uruguai em 2017, hoje kmantem o espirito viajante morando em Dublin na Irlanda.” Conheça mais no seu insta @lugalvaopelomundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *