10 Cachoeiras na Serra do Cipó

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Um lugar com lindas cachoeiras e muita natureza

Bem próximo à Belo Horizonte a pouco mais de 100 km do centro,  a Serra do Cipó possui inúmeras cachoeiras e é umas das principais atrações turísticas do estado de Minas Gerais.  Além de belas cachoeiras a Serra do Cipó possui fauna e flora bem diversificadas sendo umas das maiores do Brasil.

 

Como chegar a Serra do Cipó

Mapa
www.google.com.br/maps

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Saindo de carro do centro de Belo Horizonte pela MG -010 são aproximadamente 2 horas até a Serra do Cipó, toda estrada é pavimentada e bem sinalizada.

Acesso de ônibus feito pela empresa Saritur ida e volta R$ 52,50 saída na Rodoviária Central de Belo Horizonte

Saritur
www.saritur.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cachoeiras Pagas

 

1 – Cachoeira Grande

Cachoeira-Grande
Cachoeira Grande – Foto de Arquivo Pessoal

O acesso é pela portaria do Parque Zareia propriedade particular, fica localizado após a ponte da Pousada Veraneio bem no início da entrada da Serra do Cipó.

  • É cobrada uma taxa de R$30,00 de entrada (valor em agosto de 2017).
  • Estacionamento no local;
  • 1 km de trilha da Portaria do Parque Zareia;
  • 30 minutos até o local;
  • Nível da trilha: fácil.

 

2 – Véu da Noiva

 

Cacheoira-Veu-da-noiva
Véu da Noiva – Foto de Arquivo Pessoal

Localizada em propriedade privada no Camping da ACM/ YMCA, quase no início da subida da serra. A cachoeira possui aproximadamente 70 metros de altura.

  • É cobrada uma taxa de entrada para não campistas de R$ 30,00 (valor em agosto de 2017).
  • Estacionamento no local;
  • 1 km de trilha da Portaria da ACM;
  • 30 minutos até o local;
  • Nível da trilha: fácil.

 

3 – Cachoeira Serra Morena

 

Design-sem-nome2
Serra Morena – Foto de Arquivo Pessoal

Localizada após a subida da serra é necessário pegar um estrada de terra até a Pousada da Serra Morena.

  • É cobrada uma taxa de R$ 30,00, valor em agosto de 2017.
  • Estacionamento no local;
  • Início da trilha pela Portaria da Pousada da Serra Morena;
  • 20 minutos até o local;
  • Nível da trilha: fácil.

 

4 – Cachoeira da Caverna

 

Cachoeira-da-Caverna
Cachoeira da Caverna – Foto de Arquivo Pessoal

 

Localizada a 3 km da Portaria da Pousada da Serra Morena o nome surgiu devido a uma caverna subaquática descoberta no local.

  • É cobrada uma taxa de R$ 20,00 de entrada (valor em agosto de 2017).
  • Estacionamento no local;
  • 20 minutos;
  • Nível da trilha: fácil.

 

Cachoeiras  Gratuitas

 

5 – Cachoeira Capão dos Palmitos

 

Capão-dos-Palmitos
Capão dos Palmitos – Foto Arquivo Pessoal

Localizada dentro do Parque Nacional da Serra do Cipó, acesso pela Portaria Areias, não é cobrada taxa de entrada no Parque (agosto de 2017).

  • Gratuita;
  • Estacionamento na portaria do Parque;
  • + ou – 10 km totais de trilha
  • 2h no total;
  • Nível da Trilha fácil a moderado.

 

6 – Cachoeira da Farofa

 

 

Design-sem-nome
Cachoeira da Farofa, vista de baixo – Foto de Arquivo Pessoal

Localizada dentro do Parque Nacional da Serra do Cipó, acesso pela Portaria Areias, não é cobrada taxa de entrada no Parque (agosto de 2017).

  • Gratuita;
  • Estacionamento na portaria do parque;
  • + ou – 16 km  totais de trilha;
  • 3h30 no total;
  • Nível da Trilha fácil a moderado.

 

7 – Cachoeira Congonhas

 

Congonhas
Congonhas – Foto de Arquivo Pessoal

Localizada dentro do Parque Nacional da Serra do Cipó, acesso pela Portaria Retiro, não é cobrada taxa de entrada no Parque (agosto de 2017).

  • Gratuita;
  • Estacionamento na portaria do parque;
  • + ou – 7  km  totais de trilha;
  • 1h30 no total;
  • Nível da Trilha fácil a moderado.

 

8 – Cachoeira das Andorinhas

 

Cachoeira-das-Andorinhas
Cachoeira das Andorinhas – Foto de Arquivo Pessoal

Localizada dentro do Parque Nacional da Serra do Cipó, acesso pela Portaria Retiro, não é cobrada taxa de entrada no Parque (agosto de 2017).

  • Gratuita;
  • Estacionamento na portaria do parque;
  • + ou – 14 km  totais de trilha;
  • 3h no total;
  • Nível da Trilha moderado.

 

9 – Cachoeira do Gavião

 

Design-sem-nome-1
Cachoeira do Gavião – Foto de Arquivo Pessoal

Localizada dentro do Parque Nacional da Serra do Cipó, acesso pela Portaria Retiro, não é cobrada taxa de entrada no Parque (agosto de 2017).

  • Gratuita;
  • Estacionamento na portaria do parque;
  • + ou – 14 km  totais de trilha;
  • 3h no total;
  • Nível da Trilha moderado.

 

10 – Cachoeira do Tombador

 

Design-sem-nome1
Cachoeira do Tombador – Foto de Arquivo Pessoal

Localizada dentro do Parque Nacional da Serra do Cipó, acesso pela Portaria Retiro, não é cobrada taxa de entrada no Parque (agosto de 2017).

  • Gratuita;
  • Estacionamento na portaria do parque;
  • + ou – 22 km  totais de trilha;
  • 5h no total;
  • Nível da Trilha difícil.

 

Dicas Básicas
  • Abuse da proteção solar, use chapéus, bonés e viseiras, pois em muitos locais não existe sombra;
  • Leve água e alimentos para passar o dia, pois não existem pontos de vendas de alimentos nos locais acima descritos;
  • Certifique-se sobre o clima no período da visitação, em épocas de chuva existe grande risco de tromba d’água, fique atento;
  • Não é permitido fazer fogueiras;
  • Todas as informações sobre distância (km) e tempo gasto nas trilhas foram baseadas em expedições aos locais com auxílio do wikiloc;
  • O nível de dificuldade informado no texto foi descrito para iniciantes na prática da atividade;
  • Não retire do local plantas nativas! Leve com você todo o lixo produzido e lindas recordações: fotografias!

 

Autora

dsva0314-e1499893008845-249x300

Renata Oliveira é apaixonada pela natureza, trilhas, fotografia e por todas as belezas do seu estado natal: Minas Gerais. Já realizou várias trilhas por Minas e pelo Brasil  fazendo belos registros com suas câmeras fotográficas.

 

3 thoughts on “10 Cachoeiras na Serra do Cipó”

  1. Muito linda a Serra do Cipó, espero em breve conhecer esse lugar. Parabéns pelo seu interesse em compartilhar informações com os amantes da natureza. Belo trabalho…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *